Ordenação Presbiteral do Diácono Ricardo Ferreira Silva

 

“EU VIVO, MAS JÁ NÃO SOU EU. É CRISTO QUE VIVE EM MIM”

DSC_0022

Aos sete dias do mês de fevereiro de dois mil e quinze às dezenove horas e trinta minutos, na Paróquia São João Calábria em Campo Grande Mato Grosso do Sul ocorreu Ordenação Presbiteral do Diácono Ricardo Ferreira Silva. Que a partir desta data enquanto sacerdote: • Será um guia espiritual para a valorização de todos os carismas; • Será pastor para orientar todo o povo de Deus; • Será chamado a ser sinal de unidade da comunidade, sendo sinal de Cristo-cabeça; • Será chamado a promover a pluralidade na unidade do Corpo; • Será chamado a descobrir os carismas presentes na comunidade, anunciar a Palavra que convoca a comunidade, através da abertura será capaz de animar as pessoas, principalmente os jovens, fomentando a busca dos valores capazes de dar sentido à vida. Sendo testemunha, conseguirá mover as outras pessoas através do seu exemplo de vida. Reconhecendo os sinais da vocação presentes em determinadas pessoas, será capaz de convocá-las para o seguimento de Jesus, por meio de uma vocação específica. A partir do Altar será CHAMADO A PASTOREAR E A FORMAR COMUNIDADES sendo Vocacionado a ser ministro da Palavra de Deus, Vocacionado a ministrar os sacramentos, e a dar a vida pela humanidade. “Uma noite de suor, sobre o barco em alto mar, O céu começa a clarear. A tua rede está vazia, mas a voz que te chama Te mostrará outro mar. E sobre muitos corações A tua rede lançará. Caminhavas no silêncio, enxergando além da dor. Que a semente que tu lançavas num bom terreno germinasse. Porque o campo já está dourado. O grão maduro pelo sol. No celeiro pode entrar. Doa a tua vida como Maria aos pés da cruz. E serás… Servo de cada homem Servo por amor, Sacerdote da humanidade.”(Sacerdote Por Amor – Fabiana Paula) Parabéns PADRE RICARDO FERREIRA SILVA por aceitar a tão bela missão que Deus Pai de Ternura e Bondade lhe concedeu. És sem dúvida um testemunho de Fé, Esperança e Caridade. Foste sim, Missionário não somente no decorrer das etapas formativas, mas na vivência pessoal e comunitária, sendo obediente a vontade de Deus. Abraçaste a sua Cruz e dela retiraste o mais belo dos sentimentos o “Amor Incondicional que é o próprio Cristo”. Que Maria Santíssima Mãe da Igreja o envolva com o seu manto e o proteja ao longo desta missão que abraçastes com tão grande afeto e amor.

 

 

PASCOM – PARÓQUIA SÃO JOÃO CALÁBRIA